20140321-120108.jpg
0 Gostou

Emagrecer ou engordar estraga a tatuagem?

Quem nunca se pegou com medo de emagrecer ou engordar e estragar a amada tattoo, não é mesmo? Principalmente as mulheres que planejam ou já são mamães, ou até mesmo quem planeja um super emagrecimento (com cirurgia ou não).

Um dia uma colega veio tirar essa dúvida comigo. Como não sou especialista no assunto, fui falar com a minha tatuadora querida e altamente competente – Tati Stramandinoli, do Pigmenta Tattoo.

Vejam o que ela me respondeu:

“A tattoo vai refletir o que acontecer com o seu corpo. Se você fortalecer a musculatura, não ficar flácida ou não aparecerem estrias, a tattoo vai ficar normal. Dependendo do desenho, talvez nem tenha um efeito visual relevante em casos de emagrecimento ou ganho de peso menos drásticos. Mas é bom ter em mente que a tattoo responderá à forma que você cuidar da sua pele e do seu corpo.”
(Tati Stramandinoli – Pigmenta Tattoo)

tattoo

Isso porque a nossa pele é muito suscetível às mudanças que sofremos ao longo da vida: envelhecimento, excesso de sol, machucados e, claro, alterações de peso (seja por perda ou ganho de gordura ou até mesmo um ganho considerável de massa magra/músculos em pouco tempo).

A pele ~tks God~ tem uma elasticidade natural, mas não é sempre que ela consegue acompanhar essas “flutuações”, principalmente se forem bem oito ou oitenta. E é aí que aparecem as estrias – um grande problema estético para nós, tatuados.

Se você pensa em se tatuar e tem essa preocupação, uma dica para não correr esse risco é escolher alguns lugares do corpo onde o acúmulo de gordura pode ser menor: punhos, tornozelos, costela e costas.

Por outro lado, lugares como braços, seios, coxas, barriga e quadris acabam sendo mais suscetíveis às alterações corporais em se tratando de gordura. Principalmente nas mulheres 🙁

Eu, Ticiane, tenho tatuagens nos dois braços (o esquerdo é fechado), ombros, costela, coxa e punhos. Como sabem, vivi no efeito sanfona por muito tempo, e a princípio não senti nenhuma alteração visível nas minhas tatuagens. Mas é aquela coisa: posso ter tido sorte ou minha pele é mais resistente mesmo. O que aconteceu comigo não é regra universal. Vale a pena tomar cuidado se você se preocupa muito com esse aspecto visual.

E, claro, procurem sempre a orientação de um tatuador competente, ético e de confiança para dar a melhor orientação possível sobre a escolha do local, do desenho e os cuidados básicos durante a cicatrização e depois. Afinal, é uma marca que vai te acompanhar para sempre 🙂

PS: quem quiser o contato da Tati, é só me pedir que eu passo depois!

2 Comments

  • fernando

    January 09, 01 2015 02:00:08

    ola eu gostei muito do post eu queria o nome numero da tatuadora que vc mensionou obrigado e me ajudou muito.

    • Ticiane Toledo

      January 09, 01 2015 02:25:36

      Olá, Fernando! Que bom que o post foi útil =)

      O nome da minha tatuadora é Tati Stramandioli, e ela é uma das donas do Pigmenta Tattoo aqui em São José dos Campos. Pra falar com ela, é só seguir no instagram @tatipigmenta ou curtir a fanpage do studio https://www.facebook.com/pigmentatattoo

      Obrigada pela visita e pelo comentário!

O que você achou?