Stress-Management-Maidstone-Insight-Centre
0 Gostou

Dinamarca cria clínicas públicas para curar o estresse

Há alguns anos ouvimos que “o stress é o mal do século”.

Pensando nisso, a cidade de Copenhague, na Dinamarca, está se preparando para criar clínicas especiais para a cura do estresse e tratamento de seus sintomas mais comuns: depressão, ansiedade, insônia, ataques de pânico, etc. A idéia nasceu porque, de acordo com as últimas estatísticas na Dinamarca, uma em cada três pessoas apresentam problemas psicológicos por causa do nível muito alto de stress no dia a dia.

Muitas vezes, as pessoas não dão a devida atenção ao chamado “transtorno do estresse”. “Esperamos que a nova iniciativa recupere o paciente antes dele ir realmente para baixo, de modo que possamos evitar medicamentos, internações, doenças de longa duração e a perda de postos de trabalho”, diz a vice-prefeita com responsabilidade pela saúde de Copenhague, Ninna Thomsen.

Segundo informações, as clínicas serão financiadas pelo governo dinamarquês no próximo plano de saúde pública a partir de 2015, e serão lugares onde os pacientes não só receberão os cuidados e apoio específico, mas também informações sobre o estresse e suas conseqüências e orientações para controlá-lo e evitar novas doenças ou recaídas depois do tratamento.

+ Leia também: Os efeitos do stress e como ele pode afetar seus resultados

Aqui no Brasil e em vários outros países, o tema também deveria ser levado mais a sério, uma vez que uma população doente (seja por stress ou obesidade ou hipertensão ou diabetes – que também podem estar relacionada à primeira doença) não tem força de produção o suficiente para fazer o país e a economia caminharem. Isso sem falar nos N fatores humanos, sociais, ambientais etc. Não acham?

(via greenme)

O que você achou?