dicas para compras saudáveis
0 Gostou

6 dicas para evitar tentações no mercado

dicas para compras saudáveis no mercadoQuem faz as compras da casa sabe como muitas vezes é difícil ter foco no mercado. Afinal, quem nunca saiu para comprar verdura e voltou para casa com um pacote de bolacha recheada infiltrado ali no meio das sacolas, né?

Pensando em vocês que são gente como a gente, resolvi fazer uma listinha com 6 dicas que podem ajudar a evitar estes deslizes um tanto quanto comuns:

1. Alimente-se: quando a fome aperta, tudo fica mais apetitoso e tentador, e aí não pensamos duas vezes antes de encher o carrinho de compras com bolachas, pães, e outras coisas que deveríamos consumir com moderação. Por isso, opte por ir ao mercado depois que fizer uma de suas refeições, adequando aos horários que você tem disponível na sua agenda para essa tarefa.

2. Faça uma lista: falta de foco é o pior dos aliados em uma reeducação alimentar. E isso se reflete na hora das compras também. Por isso, coloque numa lista todos os itens que você precisa comprar e atente-se à ela. As chances de você comprar algo desnecessário serão bem menores.

3. Tenha foco: evite ficar passeando pelos corredores e vá direto aos itens que você colocou na sua lista de compras. Às vezes, a ignorância é uma benção: se você não conhece as opções dos outros setores nem sabe onde eles ficam, não passará vontade (não tanta, pelo menos).

4. Vá com dinheiro contado: para quem tem menos auto-controle, a tática do dinheiro contado dá muito certo. Se você já tem uma lista de compras mais frequente, tem uma noção de quanto costuma gastar a cada ida ao mercado. Por isso, coloque esse valor como meta e tente não ultrapassá-lo comprando os extras desnecessários.

5. Fique de olho no emocional: para as mulheres, o emocional conta MUITO na hora das compras. Na TPM, então, é praticamente impossível sair do mercado sem algo doce. Por isso, se você tiver condições, programe-se para não fazer compras durante este período. Além disso, temos as situações emocionais do dia a dia que são muito comuns, como a tristeza, a raiva, a frustração e a ansiedade. Esses sentimentos também podem funcionar como gatilho para as compensações psicológicas (“estou triste/frustrado/p* da vida, logo, mereço uma recompensa”). Se uma dessas emoções estiver muito afloradas, respire fundo, vá fazer algo para relaxar (que tal uma atividade física?) e deixe para fazer as compras no dia seguinte quando a poeira já tiver baixado. Se ainda assim for impossível fugir às compras, pelo menos tente focar nas dicas anteriores.

6. Deixe as crianças em casa: elas vão sempre querer passar nas seções de doces, bolachas, sorvetes etc. A menos que seus filhos sigam a mesma dieta que você, dificilmente eles deixarão passar a ida ao mercado em branco e isso abrir precedentes que podem influenciar diretamente na sua dieta. O mesmo funciona para maridos e esposas que adoram visitar as prateleiras de gordices e nunca saem de mão abanando.

 

E para vocês, o que costuma funcionar? Alguma dica ou truquezinho psicológico para evitar as tentações dos mercados? 

O que você achou?